domingo, 29 de janeiro de 2012

Postagens Resumo do livro > O mundo é seu, viaje !

English Version
DIREITOS AUTORAIS RESERVADOS ( COPYRIGHT ) 

El Nido, o Paraíso de Pedras Calcárias


Um arquipélago com mais de 7 mil ilhas e ilhotas de origem vulcânica num clima tropical, quente e úmido onde chuvas são comuns ( prepare-se para elas ! ). Muito longe do Brasil, é pouco visitado e conhecido dos brasileiros. A capital Manila ( Maynila ) é a segunda maior cidade e a mais populosa, a primeira é a antiga capital Quezon e esta classificada entre as cidades globais do planeta pela GaWC ( Globalization and World Cities Study Group and Network ) juntamente com Tóquio, Londres, Nova York, Paris, Kuala Lumpur ... Sydney, Seul ... São Paulo ... entre outras pelo globo terrestre. É uma cidade sem muito destaque ou mesmo beleza com um trânsito horrivelmente caótico onde o próprio guia me disse que quem dirige em Manila dirige em qualquer lugar, pois os carros ficam muito próximos um dos outros. Não conheci muito nem tive muito interesse, já que meu objetivo estava embaixo d´água ... o que significa que não é na capital.

  

Todo mundo viu ... ou ao menos ouviu falar do filme " A Praia " gravado nas Ilhas Phi Phi na Tailândia. A curiosidade é que na realidade o filme foi baseado numa outra praia secreta ( Secret Beach ) que não fica na Tailândia e sim aqui ( ou lá ... ) nas FILIPINAS, o qual é trama de livro do mesmo nome " The Beach " ( 1996 ) do autor Alex Garland que, apesar de citar a Tailândia nas Ilhas Phi Phi, é nas Filipinas que está " a Verdadeira Praia Secreta ! " Verdadeiro Paraíso; isolado, desconhecido e com poucas pessoas ... por enquanto ! O local que cito ( entre outras ilhas e praias maravilhosas do país ), fica em El Nido que, apesar do nome castelhano, não pertence ao México nem fica em nenhuma ilha caribenha de sotaque hispano-americano nem espanhol ou Ibero em alguma ilha paradisíaca do mediterrâneo ( a colonização espanhola durou até por volta do século XVI ). Fica no arquipélago de Bacuit ( Bacuit Bay ) no norte do arquipélago de Palawan ( arquipélago dentro de arquipélago ), local também apelidado ( assim como outros pelo mundo ) de " A última fronteira ", um encontro do nada com ninguém ! Mais um dos microesconderijos inusitados, onde só se descobre com muita pesquisa, leituras ou indicação ( como esta ), porque aí na sua agência de turismo padrão ou mesmo na TV ocidental você nunca vai ouvir falar sobre este destino.

 

El Nido vem de " ninhos " ( literalmente do espanhol ), devido às andorinhas e pássaros do mar que permanecem nas fendas dos majestosos penhascos que lembram catedrais ou igrejas fazendo deste lugar único. Na realidade não vi muitos pássaros nem ninhos e sim muita vida marinha. Recomendo o Miniloc Island Resort ( primeiro a se estabelecer na região. Melhor localizado, melhor comida e melhor vida marinha; um berçario de peixes palhaço ou Clownfish, o " Nemo " do desenho, entre tantos outros. Tem até alimentação aos grandes Jack Fishes onde você pode participar ) e/ou Lagen Island Resort ( Mais luxuoso, mais caro e mais reservado ) são mais uns daqueles delírios de hotéis que possuem pensão completa e estão entre os mais paradisíacos do universo com passeios ( inclusos ) nas lagoas cristalinas, praias isoladas e vazias ( verdadeiramente secretas ) onde você pode ser protagonista principal e único. Talvez no máximo entre mais alguns turistas privilegiados que estarão como você, de boca aberta perante a beleza da natureza local.  Entre tantas praias, destaco Paglugaban, Entalula, Dibuluan e a verdadeira Secret Beach ( Praia Secreta ) citada acima, o qual não é nada fácil encontrá-la ! É necessário guia local para lhe levar de barco e lhe mostrar um pequeno buraco no pé de uma das montanhas da Ilha de Matinloc, onde só se entra nadando ou mergulhando, caso a maré esteja alta. Portanto, entrar não é para qualquer um que tenha medo ou receio. Leve sua máquina à prova d´água, chegando bem cedo, antes dos outros turistas que costumam chegar por volta das 09:00 hs, neste horário já esteja saindo. É uma mini praia ( muito menor que a de Maya Bay do filme gravado na Tailândia ) toda cercada de rochas que deve ter sido descoberta por algum pequeno pescador sem querer. Informação obtida com os guias a respeito do filme é que o governo não autorizou as gravações nesta praia verdadeiramente secreta para que não a destruíssem, devido a isso é que gravaram em Phi Phi ( Tailândia ) e DiCaprio não a conheceu, apesar de ter estado no país na época.


Isso é que chamo de tirar férias e se isolar do mundo metropolitano, apesar de não ser nada barato nem fácil chegar lá ( saindo do Brasil, especificamente ) e ficar em um dos Resorts citados. Por isso digo de cara ... se não for um viajante nato, aventureiro ou persistente, já desista ! Imagine voar mais de 30 horas até Manila ( com conexões e esperas que podem chegar a 35 hs ... do Brasil ) atravessando o globo ... mais 1,5 hs de Manila para El Nido onde pousasse numa pista de terra que parece aquelas de traficantes clandestinos num " aeroporto " onde você tem de ter repelentes para evitar picadas de insetos, aranhas ou cobras ( eu fui picado por alguma coisa e fiquei com o pé super inchado, ainda bem que foi na volta ) ... enfrentar um pequeno trecho por terra pela pequeníssima cidade de El Nido que será um desafio aos olhos até o porto local ... mais uma hora de barco até algum dos Resorts citados e que tal ainda pegar uma tempestade torrencial de dois dias ... é pra acabar não ? Não ... não acabou; para se chegar na Secret Beach ... mais uma hora de barco ! E isso tudo ouvindo o idioma filipino ou pilipino ou tagalo ou tagalog ou taglish ( tagalo + inglês=English ) como pode ser chamado mais esta língua “ ininteligível “ aos ocidentais o qual dificulta no sotaque inglês ... vai encarar ?? Garanto que é a praia mais escondida do planeta !



       O país também possui uma das Maravilhas da Natureza, o maior Rio subterrâneo navegável do planeta ( The Underground River ) localizado em um Parque Nacional a 50 km de Porto Princesa ( Puerto Princesa ) no mesmo arquipélago de Palawan, outra paisagem de pedras calcárias com 8,2 km de extensão ... portanto Palawan é um local realmente fantástico e aventuroso.

INFORMAÇÕES e CURIOSIDADES
  • Cuidado com ofertas absurdas que não sejam pelo site do próprio hotel ou operador local através do seu agente de confiança, já vi preços muito baratos que não são reais !
  • O país utiliza um típico e único transporte no mundo chamado " Jeepney " onde pronunciasse " jipini " ou " jipinii " que são uma espécie de ônibus coloridos cada um ao seu modo e gosto. A entrada é pelos fundos literalmente, sentando-se nas laterais uns de frente para os outros. O nome vem da segunda guerra mundial onde os americanos utilizavam este tipo de Jeep, mas devido ao tamanho dos americanos acima dos filipinos eles batiam os joelhos uns nos outros. Como joelho em inglês é Knee ( pronunciando " ni " ) os filipinos adotaram " Jeep ni ou nii " gerando o nome Jeepney ( " Jeepnii " ). Hoje eles são mais largos, espaçosos e compridos para caber mais gente, parecendo como um ônibus, mas com frente de Jeep.
     
  • Eles também usam um moto táxi como se fosse os tuk tuks tailandeses com uma cobertura lateral onde as pessoas vão empilhadas e quase caindo para fora no caos do dia a dia ...
  • É o país que mais vi se preocupar com a ecologia ambiental, através de muitas propagandas, cartazes e incentivos a ajuda. Para se ter uma idéia no Lagen Island Resort você vai tomar banho e escovar os dentes com uma água ligeiramente salgada devido à reciclagem e tratamento. Mesmo concordando com a necessidade de fazermos alguma coisa pelo meio ambiente, escovar os dentes com água salgada não é nada agradável.
  • O povo é muito carismático com uma recepção tradicional musical. Mas a despedida é que me chamou a atenção; um exagero agradável. Eles ficam dando tchau e acenando por muito tempo, sendo que você já está lá longe no barco indo embora quase sumindo e eles continuam no deck acenando e acenando até que você ( e o barco ) realmente desapareçam ! É muito engraçado.
  • O passeio para a " Secret Beach " não está incluso no preço das diárias como os outros devido a sua distância, dificuldade e talvez para um maior controle local no acesso. Custa ( ou custou ) aproximadamente U$ 120,00 o barco exclusivo com os guias para um passeio de 4 horas onde poderá definir seu tempo e paradas ( achei razoável ).                
     VÍDEO ACESSO PRAIA SECRETA
www.youtube.com/watch?v=FC9tsUB61Ts&feature=youtu.be



www.tourism-philippines.com / www.tourism.gov.ph / www.elnidoresorts.com  
DIREITOS AUTORAIS RESERVADOS ( COPYRIGHT )
fevereiro 2012

A Jóia da Micronésia & O Paraíso Americano

Já ouviu falar em Palau ? Sabe o que é Palau ? Sabe onde fica PALAU ?

         

Em primeiro lugar é necessário o esclarecimento entre Palau e Pulau. Esta última expressão Pulau pode ser utilizada para várias coisas na região asiática e também definir vários lugares como por exemplo em Singapura, Indonésia e Malásia. E também existe um município italiano chamado Palau com menos de 4 mil habitantes, não sendo o tema desta publicação.

     PALAU ( República de Palau ou Belau que é o nome original do país, tema desta publicação ) é um dos menores países independentes do mundo bem ao lado dos Estados Federados da Micronésia, um dos maiores paraísos para os mergulhadores de todo o mundo, inclusive é citado como uma das maravilhas subaquáticas do planeta, chamado também de " A Jóia da Micronésia ! " ou o " Éden do Pacífico ". Tem naufrágios maravilhosos de navios, aviões e outros destroços da segunda guerra mundial ... até pode entrar no cockpit do piloto ! " Alii " é o cumprimento local.
É o único ponto do mundo onde tem uma lagoa com milhões de águas vivas ou medusas inofensivas aos humanos, chamada Ongelm´I Tketau ous simplesmente Jellyfish Lake ( Lago de águas vivas... bem mais fácil ), uma experiência um tanto estranha e ao mesmo tempo excitante devido a quantidade desses seres na água ao seu redor ... e dá até para beijá-las ! Essas coisas só se faz mesmo em PALAU !! Para chegar neste lago isolado do oceano é necessário ter certo preparo para subir e descer um penhasco escorregadio e perigoso ( que agora em 2012 estavam fazendo alguns degraus para facilitar o trajeto, alguém deve ter se ferido com certeza ).
Fica na Ilha Mercherchar em meio as Rochosas de Palau ( Rock Islands ) que é o maior atrativo do arquipélago onde é possível encontrar um mundo diferente que parece bolas gigantescas cobertas de árvores que flutuam em um mar translúcido e o padrão de cor azul infinito, também formadas de pedras calcárias como as elevações de El Nido nas Filipinas ( citadas na publicação acima ). Os mergulhos mais profundos em Blue Corner e Blue Hole possuem correntezas fortíssimas sendo necessário ter experiência e ser calmo. Assino ambaixo ! No German Channel dizem que é possível ver Raias Mantas, mas esta felicidade e sorte eu não tive em Palau. 
Também tem a Milk Way Lagoon, outra exclusividade local que possui uma lama branca com alto teor de enxofre, dizem que é muito bom para a pele, rejuvenecedora, todo mundo passa no corpo ... um spa ao ar livre no paraíso. Mesmo com o cheiro ruim da lama, é um dos melhores tours. A água é absurdamente quente, você entra e não quer mais sair ! A capital atual é quase impronunciável ... Ngerulmud, no estado de Melekeok ou Melequeoque, sendo a capital de um país com o menor número de habitantes no mundo; não chega a 300 !? Isso que é sossego para uma capital ... porém sua entrada deve ser feita provavelmente por Koror, a antiga capital e maior centro com cerca de 12 mil habitantes. A cidade em si é feia, a beleza esta mesmo no mar. A língua é o palauano, absolutamente incompreensível para quem não é nativo ou qualquer estrangeiro que tenha peito de ir para este segredo terrestre, mas o inglês é usado por todos, pois o país foi colônia americana, ficando independente com um tratado de livre associação com os EUA. Localizado entre à Micronésia e as Filipinas no meio do mar ... ou no meio do nada, é mesmo muito escondido e poucas pessoas ocidentais conhecem ou ouviram falar desse pontinho no oceano. Não é muito fácil para os brasileiros ou sul-americanos achar uma operadora ou quem monte um bom roteiro para chegar lá do outro lado do globo, ainda mais em Palau !
     A melhor rota para se chegar em Palau é uma grande curiosidade. Saindo do Brasil é via EUA > Havaí > Ilha de Guam ( o qual descrevo logo abaixo nesta publicação ) > Palau ... uma viagem muito longa onde você terá o fuso horário mais louca de sua vida, pois na ida simplesmente perderá um dia de vida, mais de 24 horas vão desaparecer da sua contagem cronológica automaticamente. Em compensação, quando retornar, vai ter a oportunidade única de viver duas vezes o mesmo final de dia e de dormir  duas vezes a mesma noite no Havaí ( nada mau, hein ? ). Além de um roteiro fantástico, é uma verdadeira viagem no tempo ... portanto é mais um motivo e uma experiência exclusiva que só este tipo de rota e destino proporcionam. Difícil, longe e desconhecido, com vôos e conexões desgastantes, e que vale à pena para aqueles que querem realmente conhecer a terra ou queiram viver momentos diferentes do seres humanos normais ou viajantes comuns. E isso pode ser ainda pior se seu vôo for cancelado, coisa que aconteceu comigo, pois se o avião não chegar na ilha, você também não sai ! E ficar preso contra sua vontade, mesmo no paraíso, não é nada bom, prejudica toda sua programação. Dizem que não é comum isso acontecer, mas estes são os riscos de viajar de verdade. Alii Palau ! 

     
CURIOSIDADES, INFORMAÇÕES e DESTAQUES
  • O Clima é “ Tropical bem úmido “, pois chove consideravelmente ... uma decepção, prefiro mesmo é sol. Chove o ano todo, portanto não se questione em que época ir ... apenas vá e se prepare para pegar uma chuva refrescante na média dos 27ºC, inclusive a água.
  • Palau Pacific Resort ou PPR é sem dúvida a melhor opção de hospedagem. Os funcionários são bem simpáticos e atenciosos. O ponto negativo é, assim como outros bons Resorts pelo mundo, permitir que pessoas não hospedadas utilizem as instalações com uma simples taxa. Isso pode encher de gente e acabar com sua privacidade. Outro ponto negativo, aconselho conferir bem sua conta, pois comigo incluíram ou quiseram cobrar coisas a mais ... eu conto todos os pontos positivos e negativos sem ter compromisso com ninguém, descrevo a verdade das minhas experiências.
  • Se for para lugares como este onde os japoneses são imensa maioria, repare como eles tem hábitos estranhos ou engraçados como por exemplo os casais ( heteros e homossexuais ) utilizarem roupas iguais ... que bonitinho, rs ... 
  • Uma informação que só descobri lá, foi ver com meus próprios olhos crocodilo de água salgada ... ainda bem que foi fora d´água !
  • Paga taxa de saída ( U$ 35,00 ), além da taxa de preservação que acabou de subiu de U$ 32,00 para U$ 100,00 ! Fiquei sabendo que é para conter o aumento do turismo local, mas na minha opinião isso não impede o turismo e o viajante verdadeiro de ir ... pelo contrário, pode até dar o resultado inverso, pois se é caro é porque é bom e muita gente pode querer ir apenas por maior curiosidade, pelo menos mais japoneses ...
                                          
Aloha ... & ... Hafa Adai !

O Havaí ou Hawaii ou Hawai´i ou ainda Ilhas Sandwich ( nome dado por James Cook ao descobrir o Arquipélago em 1778. Homenagem  a um Duque com mesmo nome Sandwich, nada haver com comida ... ) é o estado americano conhecido como paraíso tropical ( o único estado tropical americano ), um dos locais mais isolados da terra, com suas ondas gigantescas ( e assustadoras ) onde são realizados campeonatos mundiais de surf. São ilhas vulcânicas que merecem seu destaque de beleza, onde as forças da natureza se unem colocando fogo e água em uma " guerra " contínua e um contraste chocante formando uma imagem única no planeta, uma fumaça do choque térmico das lavas quentes em contato com o mar, o que resulta na terra com a maior velocidade de crescimento do mundo, visível aos olhos ... o nascer de uma nova ilha ! Mas isso só é possível em algum tour que lhe leve aos vulcões, não foi meu interesse, pois já vi vulcões em outros destinos. 
Faz parte da Polinésia e ficou mundial e eternamente conhecido pelo ataque surpresa dos japoneses na base de Pear Harbor, o que teria sido a causa da 2ª Guerra Mundial para os Estados Unidos. Hoje existe o USS Memorial Arizona ( navio afundado que dizem ter permanecido no local devido à quantidade de óleo que até hoje vaza do navio e é o túmulo dos marinheiros que entraram para história naquela trágica manhã de 07/12/1941 conhecida como o “ Dia da Infâmia “.  www.nps.gov/valr ) e apesar disso, muitos japoneses escolheram o Havaí para viver. Até as revistas e  anúncios locais são em japonês ! É, possivelmente o ponto mais visitado na ilha e muitas pessoas se emocionam e até choram ... 
Para chegar ao Paraíso Americano é necessário fazer escala no continente para a imigração na terra do TIO SAM. É um paraíso perdido e encontrado. Tem gente que pensa que o Havaí é pouco habitado, por se tratar de uma ilha ou arquipélago distante, grande engano ! Mais de um milhão ( já indo para 2 milhões ) de habitantes vivem nessas ilhas ( que privilégio ), entre as principais do arquipélago estão Oahu ou O´ahu ( significa ponto de encontro ou lugar de reunião e é o coração havaiano ), Molokai ou Moloka´i, Maui, Kauai ou Kaua´i, Lanai ou Lana´i, e Hawai´i ou Big Island ( Ilha Grande ). Nesta última está a montanha mais alta do mundo ! O vulcão Mauna Kea ( Montanha Branca em havaiano ), pois se levarmos em consideração a parte submersa ( que é a maior parte ) são mais de 10 mil metros da base ao pico, deixando o famoso Monte Everest ou Evereste ( 8 mil metros ) para trás. E também na mesma Big Island está o vulcão mais ativo da terra, o Kilauea. Portanto, não deixa de ser um lugar perigoso ! O arquipélago é também famoso pela dança do Hula-Hula ou simplesmente Hula que é passada em gerações e em filmes e/ou seriados que encantam o mundo inteiro. Por lá foram gravadas cenas de Lost, a saudosa Ilha da Fantasia e vários filmes como por exemplo Jurassic Park ... um tour local lhe mostrará os lugares. Aliás, fiquei até perdido com tantas opções que existem, reserve pelo menos uns 5 dias para rodar por lá ...
A capital Honolulu é a terra natal do presidente Barack Obama ( muita gente duvidou e talvez ainda duvide disso ) e me deixou realmente impressionado com tudo; com a quantidade de gente, beleza, organização e limpeza. Até os telefones públicos são limpos todas as manhãs. Mesmo com a quantidade de gente, é possível encontrar lugares lindos que podemos chamar de paraíso, como é o caso de Hanauma Bay, uma baía com uma praia absolutamente fantástica que deve estar entre as mais lindas do mundo. Feita de corais, até lembra Porto de Galinhas no Brasil, para aqueles que preferem snorkear a surfar ( meu caso ). Na verdade é um Parque ou Praia-Parque onde é cobrada entrada, mas vale a pena conhecer.
O negócio é torcer para estar meio vazio ( difícil. Chegue cedo ). Sem dúvida, é o melhor de Oahu e possivelmente de todo Havaí. Isso sem falar na famosa Waikiki ( movimentada e point ), simplesmente adorei. É a praia urbana mais linda que estive. Confira e acorde ouvindo uma enorme quantidade de pássaros em meio ao turbilhão do trânsito, além de observar as  tartarugas marinhas bem próximo da areia, inacreditável, considerando a quantidade de pessoas. Só esclarecendo; Praia Urbana para mim é a que tem Avenida Beira Mar, carros e muita gente ( geralmente as grandes capitais ). 
Outras praias na parte norte da ilha ( North Shore ) não curti muito ...  Waimea, Sunset e Bonzai Pipeline ou apenas " Pipe " para os surfistas nativos, mais íntimos e/ou corajosos. Mas isso só se for mesmo no inverno ( de outubro a março ) porque não vi nenhuma onda ( nem ondinha ) em maio, que decepção ! Um detalhe rápido a destacar é que, se você for surfista querendo se aventurar por lá, escolha mesmo bem a época para ter suas ondas perfeitas e tome ciência das regras do surf local. A coisa lá não deve ser " brincadeira de marola " e também os polinésios não gostam que cruzem suas ondas ( coisa de surfista ); vá, mas se garanta. Muitos deles são adeptos atualmente em lutar jiu-jitsu ( a " onda " ensinada por brasileiros ) e que, apesar de fazerem uma propaganda anti brigas ( " Não brigue, lute ! " nos campeonatos e eventos de vale tudo e MMA pelo mundo ), esta é uma das situações que esquecem de toda disciplina marcial e educação, partindo literalmente para briga ( Se garanta ! )


Havaí e Honolulu são duas palavras que parecem mágicas. É muito mais que uma viagem histórica. São palavras que, se fecharmos os olhos ... nos transportam àquelas cenas musicais de Hula, típicas de paraíso de sonhos de qualquer mortal, onde você se vê rodeado de palmeiras e drinks caprichados, abaixo do mais lindo sol tropical perante um mar deslumbrante. Portanto, aconselho ir se planejando e fazer as malas para não morrer sem conhecer o recanto preferido de férias de ninguém mais nada menos que Elvis Presley.  Aloha !

     E ... Hafa Adai ... significa " olá, oi " ... e é o comprimento na outra ilha americana de escala neste roteiro inesquecível; a Ilha de Guam. Pouco provável o leitor conhecer alguém que já tenha ido para Guam ou mesmo ouvido falar em mais esta ilha do Pacífico. Eu mesmo, após tantas viagens, só fui saber quando foi necessário esta escala entre Havaí e Palau ... sem dúvida são cantos que somente os mais ousados viajantes vão por os pés.

CURIOSIDADES e MISTICISMO
  • Todos os vôos saem praticamente lotados para o Havaí. Portanto, não espere encontrar praias vazias.
  • Tudo é muito caro, o jeito é alugar um carro se for adepto desta prática ( considerando os riscos que eu não gosto. Basta ter que dirigir no meu país ) ou entrar nos tours que são mais em conta. Táxis podem lhe cobrar até U$ 100,00 por hora.
  • Fiquei também impressionado com o tamanho da ilha de Oahu, onde fica a capital Honolulu. Possui enormes avenidas e/ou estradas de até 4 pistas ( o Brasil não tem isso !! ) ... por se tratar de uma ilha ... pensava que era bem menor, imagine a Big Island então ...
  • Waikiki lembra Las Vegas, principalmente à noite, com o desfile de carrões, motos com néons e até as limusines, exceto os tradicionais cassinos, pois o jogo é proibido no estado.
  • Achei a água muito fria e andar de moto por lá deve ser o máximo, pois não é obrigatório o uso de capacetes; infelizmente, não tive essa oportunidade. 
  • Hanauma Bay não abre as terças para manutenção e limpeza, pois o controle é rigoroso. O chato é ter que passar por um filminho de apresentação e instruções. Na realidade o visual é que impressiona, já o snorkel é básico e para iniciantes.
  • HAVAÍ significa “ O sopro e água do Divino “.
  • ALOHA e MAHALO são outras duas palavras havaianas importantes os quais são indescritíveis ou difíceis de traduzir, mas tentando chegar próximo a isso; Aloha poderia significar muitas coisas como por exemplo amor, afeição, compaixão, simpatia, pena, caridade, lembrança, o mais amado(a), venerar, saudação ou dar boas vindas ou “ olá “, tchau, até logo ( estas últimas, talvez as mais conhecidas e utilizadas ). Mahalo poderia ser muito parecida em seus significados como obrigado, gratidão, agradecimento, cumprimento, admiração, estima, respeito ou respeitosamente, rezar ou apreciar. São palavras muito mais profundas do que possamos imaginar ou que possam ser apenas cumprimento ou saudação. Aloha pode significar também “ Estar na presença ( ALO ) do Divino ( HA ) “. Quando dizemos Aloha para alguém, estamos reconhecendo que aquela pessoa é a personificação do Divino, que não tem nada haver com religião e sim de um processo de reconhecimento, auto cura e estudos antigos havaianos relacionados a outra palavra mais ampla; Ho´oponopono que, apesar de ainda mais complicado, em resumo seria “ corrigir um erro “ ou “ tornar certo “ ou “ colocar as coisas no lugar certo “ ou “ consertar as coisas “ ou “ trazer as coisas de volta para o eixo “, assumindo cada um a responsabilidade dos seus próprios problemas e/ou erros que vem de seus pensamentos ( recordações e memórias do subcosnciente ) e saber limpá-los através daquilo que se acredita; Fé, Deus, Divindade, Universo, Energia Cósmica, Força Superior ( conforme você conceba isso ), Tudo que HÁ ... ou em minha forma particular de pensar; saudar o outro como gratidão e amizade profunda onde a paz começa comigo ( contigo ) e com mais ninguém, assuma esta sua responsabilidade ! Cure-se, seja feliz e tenha paz através de um pensamento sempre positivo ! ( às vezes difícil ). Portanto Ho´oponopono ( “ Sinto Muito, Me Perdoe, Te Perdôo, Te Amo, Sou Grato “ ). Até mesmo para o mais incrédulos, não deixa de ser uma mensagem positiva.    
Mahalo Nui Loa !
( Muito obrigado ! )

      

    

http://www.gohawaii.com/ / http://www.visitguam.org/ 


DIREITOS AUTORAIS RESERVADOS ( COPYRIGHT )
maio 2012